sexta-feira, 22 de maio de 2009

Luz ao fundo do túnel

Será?
Uma luz ao fundo do túnel? ou um pirilampo?
Ontem foi possível ter um debate como qualquer televisão que serve uma comunidade democrática. Todos em pé de igualdade num quadro de disputa eleitoral.
Quem governa tem de facto esse ónus, digamos assim, de apanhar mais do que os outros.
É por isso que há quem tenha medo do confronto directo de ideias.
Mas deste mal não enfermam só os social democratas. Recordo que há uns anitos atrás também não foi possível ter frente a frente os dois candidatos à liderança do PS. Chamavam-se Emanuel Jardim Fernandes e André Escórcio. Não quiseram um frente a frente e o programa ( acho que se chamava contraponto) lá teve de dividir a coisa por um outro género. Na primeira parte
ouvimos um candidato, na segunda o outro.....Enfim, não são contas de outro rosário apenas um lembrete. Hoje, de facto não faz sentido pensar tão curto.
E o que importa mesmo é que foi importante a realização do debate de ontem. Acho eu. Modéstia à parte.
Bom fim de semana

2 comentários:

Vico D´Aubignac disse...

Concordo!
...E divirta-se no fim-de-semana!

Donato Macedo disse...

Oxalá a RTP-M promova demais debates com toda a representação parlamentar. A dignidade dos eleitores merece essa deferência do canal público regional, no esforço de esclarecimento das propostas plurais das várias forças políticas.