quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

O estranho silêncio

Houve demissões no PS-M. Mas desta vez a blogosfera afecta à onda rosa não se explica. Sintomático. Não fugiremos ao assunto, amanhã à noite. Com novidades!!!

8 comentários:

Caçador disse...

Eu não venho aqui comentar sobre o PS mas sim o que acabei de ouvir e ver no vosso programa (22H30m), o Sr. Roquelino Ornelas a não reconhecer que o Professor Castanheira da Costa é a porta aberta do PSD pela UMa adentro. Como toda a gente sabe, excepto o alguns PAINELISTAS, nesta terra nada se move ou mexe sem os cordelinhos do PSD.

Roquelino Ornelas disse...

Caro "caçador". De certeza que o Professor Castanheira da Costa e os restantes candidatos têm objectivos académicos e de realização pessoal que não passam pela partidite. Há mais mundo para além da política partidária seja ela de que partido fôr. E quem vota? sabe quem constitui o universo eleitoral? Esse seu tiro foi perdido.... Boa Noite

amsf disse...

Por falar em votar, saberão V. Excias que os funcionários não têm qualquer representante nos orgãos da UMa! Até a comunidade externa tem 6 mas os funcionários não têm nenhum!

É inaceitável que jovens universitários no Maio de 68 tenham-se batido para ter uma palavra a dizer em relação ao ensino nas suas universidades para agora os funcionários não docentes da UMa serem amordaçados por uma outra geração de estudantes bem como pelos seus docentes. Se os estudantes do Maio de 1968 eram jovens, os de 2009 parecem velhos! Como em 68 também em 2009 a maioria dos docentes continua retrógrada!

3RRR disse...

Caro RMO,

pessoalmente acho que a blogosfera rosa não explica porque percebeu os motivos e razões para a demissão.

Ricardo Miguel Oliveira disse...

Já agora, quais foram? A deslealdade por via da revelação das sondagens? Ou problemas de contabilidade?

amsf disse...

RMO

Essa é boa! Lança o boato num programa televisivo e depois vem perguntar pelas razões! Os americanos em relação ao Iraque, lançaram uma campanha de desinformação para convencer o mundo de que esse país possuia armas de destruição em massa e depois convenceu-se de que tal era verdade esquecendo que todos os indícios tinham sido fabricados por eles mesmos.

Ricardo Miguel Oliveira disse...

Boato? Eu emiti uma opinião por achar estranho alguns silêncios. Mas vejo que afinal andei lá perto. Li hoje no DIÁRIO que o líder do PS-M vai alterar a gestão financeira do grupo parlamentar e do secretariado. Uma "mudança profunda" porque "ninguém deve ter o poder em roda livre", assume João Carlos Gouveia. E esta?

Manuel Fernandes disse...

Acho que o PS também tem um Brutus infiltrado.