sábado, 29 de agosto de 2009

Um estátua de cera - EUREKA

Sim senhor! Vamos longe.
A candidatura do PS às autarquicas de 11 de Outubro, no Funchal, defendeu hoje a ideia de instalar no miradouro do Pico dos Barcelos, uma estátua de cera do Cristiano Ronaldo.
Leiam cera, porque foi isso que foi dito com prosápia.
É verdade que hoje até não estava muito sol. Mas, onde terão ido buscar esta ideia? De cera?
Já agora que tal a sugestão de encomendar o molde nas Caldas (da Rainha)? Sempre teria alguma coisa de genuinamente português.
E que tal se fossem tomar banho!

16 comentários:

Duarte Gouveia disse...

Entao o problema e' apenas ser de cera, e o resto da ideia?

Ja agora, por curiosidade, se a cera fosse de parafina pura, a temperatura de fusao seriam 51,6 graus celsius.
Mas, a cera nunca e' parafina pura...

Roquelino Ornelas disse...

Pois, o problema deve ser esse.
O grau de pureza da parafina.

Donato Macedo disse...

Uma proposta autárquica deste calibre, nem no dia 1 de Abril pode ser considerada piada...Piada tal como será o resultado eleitoral de quem a promove.

Zona Internacional disse...

Pois é, mas não há como uma proposta "desse calibre" para que comecem a reparar numa candidatura. Até os jornalistas repararam nela! Das várias propostas até agora apresentadas (por Rui Caetano e restante oposição), foi esta que retiveram. Presumo que a consideram sensacionalista ou ridícula - uma proposta de cera, por assim dizer. Mas, então, e as outras? Não houve nenhuma que vos suscitasse críticas? Nem uma? Que estranho...

rui ornelas (apoiante da de Rui Caetano)

Roquelino Ornelas disse...

É verdade ( caro watson) que estranho!

Donato Macedo disse...

Se o objectivo era reter a atenção de alguns jornalistas, curvo-me perante a mesma. Pensei que o PS quisesse "reter" o voto dos eleitores enquanto segunda força política da Região e não "derreter" o pouco capital de alternância que ainda lhe resta.

Zona Internacional disse...

Na minha qualidade de Watson, e de diseur das coisas elementares, também acho que a prioridade de qualquer proposta ou acção de campanha deverá ser a mobilização dos eleitores. Mas para esse efeito, nenhum Sherlock Holmes pode negar a necessidade prévia de reter a atenção da comunicação social. Só um Sherlock demasiado cínico é que não assume que hoje em dia a mensagem política (e mais do que isso) chega aos eleitores quase exclusivamente pela comunicação social. E é nesse território que se ganha e perde muitos votos. (Se assim não fosse, não haveria incómodo nenhum sobre certas acções mediáticas de José Sócrates...)
Insisto que nas campanhas regionais em curso já existem assuntos suficientes para uma abordagem jornalística mais criatividade e profunda.
Há demasiada omissão na comunicação social madeirense que não abona a favor do capital de credibilidade do sector... Mas também há mais do que isso, se nos lembrarmos, por exemplo, da edição de 22 de Julho do Diário de Notícias. Arrasadora. Por tudo isto, Sr. Macedo, é muito comovente a sua preocupação sobre o capital remanescente do PS-Madeira.

rui ornelas Watson (dos Watson)

Donato Macedo disse...

Caro Sr. Ornelas eu não assumo qualquer preocupação pelo mau estado do PS-Madeira, mas antes pela qualidade da nossa democracia. Essa qualidade reclama uma oposição digna desse nome, pelo menos na parte a que ela diz respeito.
Se propor uma estátua de cera no Pico dos Barcelos é apostar na atenção dos media para uma candidatura autárquica, sinceramente prefiro a proposta do PND-Madeira com os seus 50 metros de estátua à entrada do porto do Funchal. É que esses, pelo menos não assumem-se como alternativa...São "alternativos".

Zona Internacional disse...

Penso que não consegui ser claro. Vou tentar explicar melhor. Em meu entender, propor uma estátua de cera num miradouro não é apostar da atenção dos media; são os media que não "apostam" nas restantes propostas; que não lhes atribuem o devido destaque, o acompanhamento persistente e a leitura crítica que merecem, porque os jornalistas e as redacções acreditam que as pessoas não "ligam nenhuma" ou porque pressões e interesses vários interferem nesse trabalho de divulgação. Considero a proposta da cera genuína, embora deteste futebol. Até conseguiu pôr o Sr. Macedo a optar entre a proposta do PND e a do PS! Como vê, até a cera levou-o a optar. O que não seria se as redacções retivessem e explorassem as propostas sobre a localização da biblioteca, o provedor, o banco de tempo ou a incubadora de artistas, só para me referir às da candidatura que apoio. Quanto à "oposição digna desse nome" que reclama, voltamos ao princípio: se de todas as propostas dos partidos da oposição, só retém a que lhe "interessa", nunca encontrará "oposição digna desse nome". Sabe, também para se avaliar o trabalho político dos partidos, temos de nos esforçar – mesmo com os constrangimentos do acesso à informação. Dá trabalho, é verdade.
rui ornelas

Donato Macedo disse...

Pronto. Rendi-me à cera e à magnífica proposta socialista. Afinal os tipos são mesmo bons, eu é que ando intoxicado pelo Roquelino e seus colegas da informação. Ah, estes malandros dos jornalistas. Não se esforce mais, o déficit é mesmo meu.

Zona Internacional disse...

Ora essa!, esforço-me com muito gosto… Até porque ainda não me fiz entender. (Isto de ser filho da escolaridade obrigatória, traz-me dificuldades de exposição …) O que eu queria dizer, ou melhor, perguntar, era o que pensam o Donato e o Roquelino para além da cera, percebe? Era apenas isso! Por que motivo só a cera vos despertou! Por exemplo, o que pensam sobre a proposta socialista para a criação da incubadora de artistas? Não espero que digam bem da ideia. Nada disso. É porque julguei que o post tinha “potencial de debate”. Olhe, até lhe digo: o actual presidente da Câmara e discípulo de Alexis de Tocqueville, na entrevista à TSF, no Dia da Cidade, referindo-se indirectamente à proposta socialista (quando abordado sobre o Matadouro), disse que era uma ideia mixuruca (foi mesmo esta expressão). Está a ver? Até ele, se manifestou...
Esforçadamente,
rui ornelas

Roquelino Ornelas disse...

Vai longe esta polemica...vejam só como se pode fazer cera com tão pouco. O sr Macedo e mais os Srs Ornelas deram um ar democratico a este singelo post....
Deixem-se de tretas. A ideia é uma enorme PATETICE E É DISSO QUE SE FALA. Não invente constrangimentos. Dirijo-me agora ao "primo" Rui. Bom Fim de semana. Vou fazer um post giro sobre o que se passa na TVI. O que estão fazer à Manela, ao Zé Socrates e até ao Dr. AJJ.... vão afiando os lápis...

Zona Internacional disse...

Como diria um jornalista, não respondeu à minha pergunta... Ou ainda,"está a fugir à questão". Uma inversão de papéis não faz mal a ninguém. Deveria fazê-lo em vez de considerar de tretas o que eu e o Sr. Donato andámos "comentar". Oh, o "primo" Roquelino é um ingrato. Depois de tanta dedicação minha e do Sr. Donato, levamos com essa de tretas. Vou amuar.
Primorosamente
rui ornelas

Roquelino Ornelas disse...

Estou mesmo orgulhoso de si... do seu "sense of humour"...se calhar somos mesmo primos.É que, modéstia à parte, acho que se não fosse o meu sentido de humor já estava com o dobro do peso, careca, neurótico e muito mais gágá....
:)

Donato Macedo disse...

É verdade Roquelino...Essa de "tretas" dá-me cá uma vontade de amuar! Abraço e aproveitem o que resta do Verão.

Miguel Ângelo disse...

E que tal antes de debitar da boca para fora uma ideia estapafúrdia dessas, consultassem o psiquiatra, Luís Filipe Fernandes. (LOL) Talvez tivessem mais sucesso. Aliás, perderam uma grande oportunidade de estar calados...